terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Aranha de 215 milhões de anos é assunto de Kellner


Alexander Kellner e a coluna CAÇADORES DE FÓSSEIS de Fevereiro

Pesquisadores acabam de registrar a ocorrência de um minúsculo representante de Mygalomorphae, grupo que inclui as aranhas caranguejeiras, em rochas formadas durante o Triássico Superior. O raro achado revela dados importantes sobre a evolução desse animal, conforme Alexander Kellner apresenta em sua coluna de fevereiro.
A coluna CAÇADORES DE FÓSSEIS acaba de ser publicada e tem como tema central a descoberta de uma nova espécie de aranha da Itália. Acesse a coluna.

Nas PALEOCURTAS é apresentado um novo pterossauro da Transilvânia, um estudo sobre crinoides na América do Norte, a descrição de insetos fósseis da China, uma pesquisa sobre um grupo de mamíferos da megafauna e informações sobre a atividade de campo que será realizada no simpósio de Pterossauros (Rio Ptero 2013).
Veja também o registro do terrível acidente em um museu de história natural.

Lembramos da enquete anual da coluna mais interessante de 2012. Ainda há tempo para votar.

Leia Também